Criar Negocio

5 Passos Para Montar Um Negócio

5 Passos Para Montar Um Negócio

Você decidiu montar um negócio.  E agora? O que deve fazer?

A seguir, vamos listar 5 passos para montar um negócio:

O primeiro passo é escolher o ramo de atividade, onde atuar, que idéia de negócio desenvolver.

Para isso, você vai precisar observar o mercado, pensar em suas habilidades e no tipo de negócio que pode dar certo. É importante, nesse momento, além de observar o mercado consumidor, pensar em alguma coisa que se goste, pois será muito mais prazeroso trabalhar em alguma coisa que você realmente ame.

A análise do mercado consumidor é de crucial importância diante da decisão de montar um negócio, em razão dos custos e do tempo investido, isso porque você não pode pensar em montar algum negócio para o qual não haja mercado consumidor. Para isso é necessário fazer uma pesquisa de mercado. Essa pesquisa deve abordar questões como o público-alvo, quem são os concorrentes, quem são os fornecedores.

Definido o ramo, ou seja, escolhida a atividade a ser desenvolvida, e feita a pesquisa do mercado consumidor, é hora de pensar em como fazer, certo?

Como tudo que fazemos na vida, a abertura de um negócio vai exigir conhecimento. Se você já tem algum, ótimo. Se não, é hora de colocar a mão na massa e aprender tudo que for preciso para iniciar esse projeto. Muitas vezes o empreendedor tem interesse ou já conhece um pouco do assunto. No entanto, é sempre bom aprimorar os conhecimentos e lembrar que sempre temos algo a aprender.

Por isso, informe-se, leia, busque conhecimento, pergunte as pessoas, conheça pessoas, coloque-se no meio, para entender mais sobre a atividade que deseja desempenhar. E, aos poucos, vai confirmar se realmente está no ramo certo. Esse passo é primordial para o sucesso do negócio, pois a falta de conhecimento sobre a atividade muitas vezes é um fator que leva ao fracasso.

Um exemplo é o caso de uma pessoa que resolve abrir uma padaria porque identificou um mercado consumidor em determinado lugar. No entanto, seu negócio fica completamente dependente de uma terceira pessoa: um padeiro. Se essa pessoa faltar, o empreendedor não poderá produzir naquele dia.

Portanto, é necessário contar com boa mão-de-obra ou ser você mesmo o primeiro produtor. É claro que, com o tempo e o desenvolvimento do negócio, a produção deverá ser terceirizada, incumbindo ao empreendedor apenas o gerenciamento dos produtos.

Uma ótima oportunidade para adquirir conhecimento está no SEBRAE – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. O site do SEBRAE disponibiliza uma página sobre Ideias de Negócios, onde o futuro empreendedor pode pesquisar várias idéias de negócios para iniciar um empreendimento. Além disso, o site dá orientações sobre gestão, temas de interesse, legislação, cursos, entre outros assuntos para os interessados em abrir um negócio.

Escolhida a atividade e feita a pesquisa de mercado e do ramo, agora o empreendedor está pronto para estruturar seu negócio. O que você precisa agora é partir para a prática, procurar um lugar (se for um negócio físico), estruturar seu tempo, sua agenda, seus compromissos, descobrir onde vai contratar produtos, matéria-prima, etc.

Tudo isso faz parte da estrutura do seu negócio, se vai produzir, precisar estruturar essa produção, se vai vender, precisa adquirir a mercadoria. Depois, deve colocar o preço, estabelecer uma margem de lucro e preparar tudo para abrir as portas.

Nessa fase, deve-se pensar no capital que vai ser investido, os custos de produção, além de outras despesas fixas a fim de se estabelecer o lucro. Tudo isso é fundamental para o sucesso do negócio. Se não houver capital, a empresa logo precisará de financiamento, o que poderá implicar no fracasso, pois haverá desde logo um comprometimento do lucro. E, caso não haja lucro suficiente para cobrir os custos de produção, despesas e financiamento, a empresa terá que fechar as portas.

Você também vai precisar abrir uma empresa para legalizar o seu negócio. Aqui no Negócio e Renda vamos informar pra você o que precisa, em termos legais, para abrir sua empresa. Fique atento e aguarde as próximas publicações

Então, resumindo vamos listar os 5 passos para abrir um negócio:

  • Escolher o ramo de atividade;
  • Fazer uma pesquisa de mercado;
  • Adquirir conhecimento sobre a atividade;
  • Estruturar o seu negócio (ponto, material, matéria prima, móveis, etc.)
  • Abrir formalmente uma empresa (legalizar o negócio)

Bem, feito o chek-list. É hora de partir pra ação.

Boa sorte no seu empreendimento!

Se gostou do artigo, deixe seu comentário abaixo!

 

Sobre o autor | Website

Maris Pedrini
Empreendedora Digital

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

3 Comentários

  1. Valéria disse:

    Muito bom os 5 passos. Gostei!

  2. Júnia disse:

    Muito bem explicado e dá ao leitor uma excelente direção. Parabéns e sucessos incríveis!

  3. Negocio e Renda disse:

    Que bom que gostaram!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.