Carreira

10 Dicas Para Se Livrar Da Procrastinação

10 Dicas Para Se Livrar Da Procrastinação

Já pensou em se livrar da procrastinação?

 

 

 

 

Dicas Para Se Livrar da Procrastinação

 

 

Pois é… Você começa o ano feliz e motivado, certo de que vai colocar em prática uma série de novos hábitos e que vai ter uma vida nova, feliz e produtiva e alcançar as metas estipuladas na virada de ano.

 

Porém, os meses vão passando e você vai deixando a conclusão das suas metas pra depois. E, quando vê, já se passou mais um ano sem que suas metas tivessem sido atingidas.

 

Assim, também nas tarefas do dia a dia, às vezes deixamos as coisas pra fazer depois. Ao invés de fazer o que precisamos, passamos horas na Tv ou na internet. E acabamos deixando tudo pra última hora.

 

Esse ato de deixar as coisas pra fazer depois se chama procrastinação. A palavra procrastinação é uma palavra vinda originalmente do latim: pro – (à frente) e crastinus – (de amanhã).

 

Seja na vida pessoal, nos estudos ou trabalho, a procrastinação atrapalha a realização dos nossos projetos. Por isso, esse assunto é recorrente nos sites, livros e outros materiais destinados a auto-ajuda e motivação.

 

Muitas vezes a procrastinação tem origem nas nossas crenças, no nosso padrão comportamental ou em algum distúrbio emocional como a ansiedade.

 

Independente de qual seja a sua razão, você deve ter em mente que até certo ponto, procrastinar é normal. Mas se isso estiver atrapalhando a sua vida, é o momento de refletir e tentar fazer alguma coisas. Para te ajudar, hoje resolvi falar sobre isso e trouxe aqui 10 dicas para se livrar da procrastinação.

 

1 – Reconhecer que você tem o hábito de procrastinar

 

Isso mesmo, reconhecer que você está deixando a vida passar em branca nuvem e protelando a realização de sonhos, planos e projetos é um começo para se livrar desse hábito.

 

Mas não basta só reconhecer, é preciso ir em frente e decidir mudar de vida e de hábitos.

 

A mudança parte sempre de uma decisão. A consciência do quanto deixamos as coisas pra depois, sejam elas pequenas tarefas ou grandes projetos, é um ponto primordial para a mudança. E após, vem a decisão efetiva de mudar.

 

É aí que começamos a nos vigiar e observar muito nossos próprios atos, buscando a mudança.

 

 

2 – Colocar seus objetivos, metas e planos no papel

 

Uma dica simples é colocar seus objetivos, metas e planos no papel. Anotar tudo que você pretende fazer. Se você tem dificuldade de assumir compromissos e cumpri-los, essa é uma dica muito boa, porque a partir do momento que você visualiza o seu compromisso, passa a aceita-lo e encorporá-lo às suas rotinas.

 

Acontece também uma espécie de vínculo entre você e sua agenda, se ela for bem organizada e checada constantemente.

 

Anotar compromisso também traz uma espécie de alívio, porque, uma vez que você anotou se sente mais tranquilo para realizar outras tarefas e assim, consegue até ser mais focado e produtivo.

 

A desorganização e a necessidade de estar lembrando sempre das coisas, assim como a culpa por esquecê-las, causam ansiedade e acabam tirando o foco de suas atividades diárias.

 

 

3- Faça um balanço mensal

 

Fazer uma balanço mensal do que você planejou e cumpriu é uma coisa bem legal. Isso ajuda a se motivar, já que algumas tarefas ou compromissos deverão ter sido cumpridos.

 

A motivação vem do fato de estar conseguindo. Isso é importante num processo de organização e produtividade.

 

Em meu trabalho em casa, tenho metas mensais a cumprir, e, por isso estou sempre avaliando o que fiz e o que falta pra fazer e mensurando as possibilidade de cumprir ou não minhas metas. Sempre percebo dificuldades, busco auxilio na equipe da qual participo e consigo reverter a situação.

 

Trata-se de um planejamento muito forte, em razão de obrigações muito grandes e do compromisso que assumi ao participar do projeto que me permite trabalhar em casa.

 

 

4 – Comece a fazer o que você precisa

 

Dicas Para Se Livrar da Procrastinação

 

Bem,  postergamos, adiamos e muitas vezes negligenciamos e deixamos para a última hora quando se trata de uma tarefa qualquer.

 

Mas, quando se trata de um sonho? Um projeto, um desejo, uma meta na vida?

 

Porque não fazemos alguma coisa que teoricamente adoraríamos estar fazendo?

 

Você já ouviu falar em crenças limitantes?

 

Muitas vezes, por questões hereditárias, sociais ou culturais, somos impelidos a pensar alguma coisa sobre nós mesmos.

 

Aquilo que os nossos pais pensam ou verbalizam sobre nós, assim como os hábitos bons ou ruins, nos fazem pensar que somos predeterminados.

 

Ou, muitas vezes, nos comportamos como é esperado, por questões sócio-culturais ou crenças individuais, incutidas em nossa mente pela nossa família.

 

Então, às vezes é preciso dizer pra você mesmo, que você pode fazer, ou que não há nenhum problema nisso. Tudo bem se você for o melhor ou pior aluno da turma. Se tiver um ótimo emprego, ou se decidir viajar e viver coisas novas.

 

É claro nossa metas e sonhos coexistem com nossas necessidades. É meio que impossível, um empresário, médico, advogado, alguém que tenha uma vida muito estável mudar de uma hora pra outra.

 

Mas a mudança pode acontecer aos poucos…você pode ir dizendo pra você e pros outros o quanto você gostaria de cumprir suas resoluções de ano novo. E, cumpri-las.

 

É bom lembrar que nem sempre cumprir suas resoluções de fim de ano, vai implicar numa mudança de vida. Mas deve acontecer uma mudança de atitude e destruição de crenças limitantes.

 

 

5 – Não deixe a perfeição arruinar seus projetos

 

 

Dicas Para Se Livrar da Procrastinação

 

 

Suponhamos que você decidiu andar de bicicleta nos dias de folga e feriado. No entanto, você não tem a melhor bicicleta da cidade, a mais moderna ou mais bonita. Ou, ainda não tem aquela roupa descolada, ou faz parte de nenhuma tribo.

 

Bem, então você não vai realizar seu desejo porque ainda não tem tudo de que necessita?

 

Isso é perfeccionismo e atrapalha a realização dos seus projetos.

 

Existe um ditado que diz: “feito melhor que perfeito”. E, muitas vezes realmente esse ditado funciona.

 

Então, não deixe que o perfeccionismo atrapalhe seus planos. Vá em frente, avalie o quanto você pode melhorar e o quanto você precisa tocar o projeto para aperfeiçoa-lo depois.

 

Existe uma escala de tempo em que as tarefas podem ser realizadas. Cabe a você conjugar o tempo e a qualidade daquilo que precisa fazer e assim, atingir suas metas.

 

 

6 –  Divida suas tarefas, e execute-as aos poucos

 

 

Dicas Para Se Livrar da Procrastinação

 

Se o hábito de procrastinar está associado à ansiedade por ter muitas tarefas, ou se tratar de uma tarefa muito longa ou extensa, você pode dividi-la e realizá-la aos poucos.

 

Não é para perder de vista, a ideia é que, uma vez fracionada, a tarefa se torne menos entediante e assim, haja mais ânimo na conclusão.

 

A leitura de um livro por exemplo pode levar vários dias, mas não precisa levar várias horas. Se você se habituar a ler durante 15 minutos todos os dias, vai se sentir bem por estar realizando uma tarefa prazerosa ou necessária. Isto será melhor do que acumular pilhas de livros para ler.

 

Assim, partindo tarefas em pequenas fases, é possível realizar muito mais. Mas não vá assumir mais coisas do que você seja capaz, porque senão, a técnica não funciona.

 

A respeito dessa técnica, existe um artigo muito interessante no site administradores, que vale a pena consultar.

 

7 –  Planeje, decida e crie os hábitos que você necessita para não procrastinar

 

Muitas vezes a procrastinação é resultado de muitos projetos, muitas ambições, muitos sonhos que são verbalizados ou desejados ao mesmo tempo.

 

A vida está muito corrida e o mundo cheio de informações. O uso indiscriminado das redes sociais e outras mídias vêm sobrecarregando as pessoas com informações, que criam desejos e planos.

 

Contudo, é preciso racionalizar e priorizar. É praticamente impossível acompanhar a novela, estudar para um concurso, dedicar-se a uma atividade extra, ver filmes, dormir tarde, acordar cedo…

 

Por isso, é necessário estabelecer quais são as suas prioridades e o que você vai fazer para alcança-las.

 

A vida sem metas e prioridades é levada ao sabor dos ventos e das urgências. Por vezes, agimos como bombeiros, apagando incêndios no caos da rotina desorganizada.

 

A estratégia de mapear exatamente aquilo que podemos fazer e marcar dia e hora para começar é ideal para conseguir fazer as coisas que desejamos. Dentro dessa estratégia está o ato de reconhecer aquilo podemos fazer e o que não podemos. Isso nos deixará mais tranquilo para fazer o que temos de fazer.

 

Assim que decidimos aquilo que podemos fazer, devemos então estipular os horários em que faremos essa tarefa, a fim de criarmos o hábito e assim, conseguirmos realizar essas tarefas diariamente.

 

 

8 – Utilize-se de timeboxes

 

Dicas Para Se Livrar da Procrastinação

 

A técnica consiste em dividir o tempo em bloco para se dedicar unicamente a uma tarefa.

 

Para conseguir utilizar esse método, vale desligar o celular ou trancar-se num cômodo. Mas não deixar que nada nem ninguém atrapalhe, para você tenha foco total nesse momento.

 

Essa técnica organiza o tempo e de certa forma, nos acalma, por sabermos que estamos usando nosso tempo de forma adequada e racional.

 

Podem ser necessários ajustes no tempo de execução de cada tarefa, assim como ter flexibilidade para adaptar a rotina, quando algo sair do controle. O fato de você ter planejado não quer dizer que não possa haver flexibilidade, conte inclusive com os imprevistos e reserve tempo para o laser.

 

9 – Evite a “ressaca” da procrastinação

 

A pior parte da procrastinação é que ela tem efeito semelhante à uma ressaca psicológica, o que aumenta o sentimento de ansiedade e depressão.

 

Optamos por escolher aquilo que parece mais agradável e deixamos a disciplina de lado, causando sofrimento a longo prazo.

 

Um exemplo muito simples desse processo, que Dra. Fuschia Sirois, professora da Universidade de Sheffield na Inglaterra, chama de Miopia Temporal é quando sucumbimos a uma comida que não seja muito saudável, como um sanduíche, mais que seja mais prazerosa, e que eleva momentaneamente nossa sensação de bem estar.

 

Porém a longo prazo, sofremos com a escolha do alimento errado e que nos prejudica a saúde e mais tarde, sofremos com as doenças e problemas funcionais causadas por essas escolhas.

 

Isso acontece porque o futuro é abstrato, portanto, muitas vezes optamos por satisfazer o desejo momentâneo, que nos parece mais concreto, ao invés de fazer uma escolha racional e saudável.

 

Assim, somos tentados a executar tarefas que nos dão prazer e após, sentimos culpa, vergonha e sensação de fracasso por ter deixado de gastar o tempo em algo construtivo e por não conseguirmos alcançar as metas pessoais.

 

Existe também o medo de falhar, que está ligado ao perfeccionismo, e que pode nos fazer adiar os sonhos. O medo de não corresponder à nossa expectativa e à dos outros, faz com que evitemos levar nossos projetos à frete. Isso também tem a ver com nossas crenças.

 

 

Procrastinação x Excesso de Trabalho

 

Mas, e se estivermos mesmo sobrecarregados? Se estivermos deixando de cuidar da saúde, de passar mais tempo com os filhos, ou de realizar atividades prazerosas em razão de falta de tempo e não de procrastinação.

 

Vale a pena avaliar. Definir prioridades, pensar em delegar tarefas menos importantes, ou até mesmo em adia-las.

 

É importante que se saiba distinguir a procrastinação do excesso de trabalho. Isso nos trará clareza para definir o que é importante na nossa vida ou não, até mesmo no trabalho.

 

Muitas resoluções de mudanças drásticas de vida surgem da observação de que marchamos intensamente para lugar nenhum. Paramos de viver quando vivemos com muita intensidade e querendo muitas coisas, ou coisas que julgamos importante demais. Ou quando damos importância demais a determinadas coisas.

 

É importante saber dosar, balancear, delegar ou até mesmo desistir quando sentimos que algo nos prejudica. E desistir pode ser também mudar, desistir de falar inglês em um ano, e passar o projeto para cinco anos. Desistir de ser o número um, mais continuar desempenhando a tarefa. Cada uma de nós saberá onde devemos mudar ou nos replanejar.

 

10 – Comemore os resultados

 

Por fim e não menos importante, comemore os resultados. Não precisa sair por aí alardeando que você cumpriu suas metas, mas tenha orgulho de dizer que você é uma pessoa realizadora. Se você conseguir virar a chave da produtividade consciente, verá que em qualquer circunstância que falem de procrastinação você se sentirá bem.

 

Mais do que isso, você se sentirá bem por saber que sua vida tem rumo e que você sabe pra onde está indo. Os resultados? Serão agenda cumprida, habilidades aprendidas, sonhos realizados, projetos que saíram da gaveta.

 

E quem de nós hoje não gostaria de exibir esse estilo de vida?

 

Portanto, se você conseguir comemore!

 

 

Espero que você tenha gostado desse artigo. Forte abraço!

 

 

 

 

Sobre o autor | Website

Maris Pedrini
Empreendedora Digital

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

2 Comentários

  1. Vanessa disse:

    Meu maior problema no trabalho é a procrastinação. Já anotei as dicas para colocar em prática, principalmente sobre estabelecer prioridades, sempre quero fazer tudo ao mesmo tempo e então não faço nada, é frustrante.

  2. Rose Mary disse:

    Parece que vc escreveu pra mim. Tenho uma dificuldade enorme em me organizar. Excelentes as dicas, muito obrigado.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.